Os escritores que aceleram neste blog

Minha foto
acompanho a F1 desde 1994. por vezes o estranhamento choca e traz interesse. gosto de história desde 2002. bons professores trazem a tona paixões que pareciam subexistir. sou Ridson de Araújo, tenho 21 anos, faço História na Universidade Federal do Ceará.

A Redação

Este blog foi criado no intuito de divulgar, publicizar opiniões caladas e pesquisas que em geral não tem o devido espaço que (acreditamos) merecem. A iniciativa foi de Ridson de Araújo, e agora contará com colaboradores. Cada pessoa que se encontra aqui na redação tem o potencial como várias outras pessoas que tem/não tem internet, de pensar e agir. Duas paixões e duas escolhas: História(s) e Velocidade.

O blog, na verdade: é de todos.

StatCounter


View My Stats

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Já vi esse filme, fazer o quê?


E... Surpresa, pelo menos para mim, Fernando Alonso foi confirmado como companheiro de Felipe Massa na Ferrari já em 2010. Eu aguardava para 2011, por isso não acreditava muito, apesar das evidências da mídia.

Sinceramente, não esperava Alonso na equipe italiana na próxima temporada. E como o próprio Fernando explicou depois, seu contrato só valeria mesmo a partir de 2011, mas devido a um grande empenho de Luca di Montezemolo, incentivado por outras pessoas dentro e fora da Ferrari, optou por antecipar a chegada do espanhol a Maranello. Sem se importar muito em quanto iriam desembolsar para deixar Kimi Raikkonen fora de seus domínios.

Fernando Alonso repete as mesmas atitudes e declarações que fez antes de chegar à McLaren em 2007. Juras de amor a equipe e que estava realizando um sonho. Depois todos nós sabemos no que deu. Já viram esse filme... Também?

Acredito que a Ferrari sabe do risco que está correndo, vide o estrago que Alonso fez na sua curta, mas, marcante passagem pela McLaren e também pelos “animados” conflitos já representados com Felipe Massa.

Só não compreendo por que a Ferrari renovou o contrato de Kimi Raikkonen em mais um ano. Já que o mesmo terminaria em 2009, e a equipe não teria dificuldades para escalar outro piloto. Entretanto, os italianos vão pagar uma bela indenização ao finlandês por causa disso.

Kimi Raikkonen se disse “triste” pela decisão da equipe em substituí-lo e por não conseguir cumprir seu contrato até o final, aliás, Kimi que sempre “aparentou” estar mais satisfeito na Ferrari do quê nos tempos de McLaren, todavia, ainda tenho dúvidas se realmente ele vai regressar para a equipe inglesa, mesmo sem Ron Dennis. E como muitos apostam.

Até o presente momento, apenas três equipes anunciaram suas duplas para 2010. Primeiro foi a Red Bull que já havia confirmado seus dois pilotos Mark Webber e Sebastian Vettel. A segunda a Ferrari e ontem foi a Toro Rosso, Franz Tost manterá Jaime Alguersuari e Sebastien Buemi pelo menos até o inicio de 2010.

Fora Lewis Hamilton que está mais do quê garantido na McLaren, tudo pode acontecer no mercado de pilotos daqui para frente. Espero surpresas na Brawn, Toyota e nas novatas. E vocês?

Um comentário:

  1. E o Hamilton não quer o Raikkonen na Mclaren!

    ResponderExcluir

Este é o momento mais gratificante do blog: a sua opinião e visita; não serão permitidas ofensas pessoais nem preconceitos tolos