Os escritores que aceleram neste blog

Minha foto
acompanho a F1 desde 1994. por vezes o estranhamento choca e traz interesse. gosto de história desde 2002. bons professores trazem a tona paixões que pareciam subexistir. sou Ridson de Araújo, tenho 21 anos, faço História na Universidade Federal do Ceará.

A Redação

Este blog foi criado no intuito de divulgar, publicizar opiniões caladas e pesquisas que em geral não tem o devido espaço que (acreditamos) merecem. A iniciativa foi de Ridson de Araújo, e agora contará com colaboradores. Cada pessoa que se encontra aqui na redação tem o potencial como várias outras pessoas que tem/não tem internet, de pensar e agir. Duas paixões e duas escolhas: História(s) e Velocidade.

O blog, na verdade: é de todos.

StatCounter


View My Stats

sábado, 19 de setembro de 2009

28 carros!


Logo depois do anúncio da promoção da Lotus Malaia pela FIA, como a 13ª equipe a integrar o mundial de F-1 em 2010. A BMW veio comunicar a venda do que restou dela a um grupo de investidores. Trata-se de uma companhia de fundos de investimentos, especializada em controlar as riquezas de poderosas famílias do Oriente Médio e da Europa.


Os investidores informaram que também esperam integrar o grid da F-1 no Mundial do ano que vem. Assim, a categoria pode ter 14 equipes em 2010, todavia, a FIA já havia confirmado a Lotus, na 13ª e última vaga que era da BMW-Sauber.



A entidade máxima do automobilismo afirmou que recebeu uma inscrição "impressionante" da BMW, mas, diante das incertezas sobre o futuro da equipe, preferiu conceder a vaga à Lotus.



Para surpresa de muitos, a FIA indicou que pode conceder uma vaga extra entre os participantes do próximo campeonato e informou que o grid pode ser aumentado para 28 carros. Essa nova equipe será a primeira opção em caso de desistência de uma das já escolhidas. Para isso, a federação vai consultar "urgentemente" as equipes (FOTA) atualmente na F-1 sobre a possibilidade de uma mudança na regra.


É de se estranhar essa boa vontade da FIA, talvez seja para derrubar de vez a idéia do Luca Di Montezemolo, da Ferrari em implantar a regra e três carros por equipe.


E é justamente a Ferrari que talvez possa vir a ser parceira, da digamos, “Nova Qadbak/Sauber”. Enquanto espera saber se correrá em 2010. O grupo suíço QADBAK que comprou a BMW, já estuda os aspectos técnicos para colocar seu time em funcionamento e a Ferrari é a favorita para o fornecimento de motores para a novo time no ano que vem.


Devido a um longo relacionamento de Peter Sauber com os italianos, não é de se estranhar o futuro acordo. Se bem, que a Sauber nunca venceu com os motores italianos. E também resta saber se nome Sauber será mantido ou até mesmo se Peter Sauber permanecerá na escuderia.


Também não é de se estranhar esse novo perfil de investidores do oriente na F-1, já quê, tanto Ferrari como McLaren têm suas ações nas mãos desses poderosos investidores do Oriente Médio.

Será que o futuro da F-1 está reservado para eles?

3 comentários:

  1. Sauber já se colocou à disposição do grupo qadbak para ser o novo chefe de equipe, se assim eles desejarem. Não duvido nada que Sauber deseja novamente ter seu nome ligado diretamente à F1.

    ResponderExcluir
  2. é verdade, Jobson... Ainda pouco sabemos de todas essas negociatas. No entanto, me parece que esse projeto não é como o da Lotus, que revelou planos até concretos para a categoria...

    ResponderExcluir
  3. Olá pessoal do blog. Achei esse blog na pesquisa do google por carros blogspot. Muito interessante os assuntos e fotos. Eu criei a alguns dias um blog http://casadocarro.blogspot.com
    Pretendo inserir nele uma lista de blogs e sites sobre o assunto. O que quero propor é que experimentem anunciar seu link na barra lateral do meu blog por 60 dias pelo preço de 6 reais. Para conhecer minha idéia acessem o blog, para me contatar me enviem e-mail ou adicionem-me no msn eversous@hotmail.com ou danielacabalero@live.com Agradeço a atenção!

    ResponderExcluir

Este é o momento mais gratificante do blog: a sua opinião e visita; não serão permitidas ofensas pessoais nem preconceitos tolos